Autor: Talles Lage - 03/10/2017 13h46

Direita, esquerda?!?! Onde estamos?



Num pais democrático, onde existem lados e ideologias quem buscam de todas as formas se impor no poder para fazer valer seus ideais e acredita, que o intuito seria para fazer da nação um lugar melhor fizeram por nomenclatura dois lados interessantes e suas subdivisões, que é a direita e a esquerda. Não quero entrar no mérito dessas definições, tentar entender a real situação ideológica que emana do Governo Federal que mesmo representando o povo se propõe agora posicionar-se contra o mesmo.

Lembro-me quando o “filho do Brasil” para não dizer outra coisa, mudou seu discurso de esquerda para ganhar votos, quando sua radical proposta em 1988 era seu caro chefe de ideologia partidária advinda da luta de uma comunidade cristã católica, que tornou a teologia da libertação seu carro chefe visando dar dignidade ao excluído e dar acesso ao as políticas publicas e melhoria da qualidade de vida... até aí tudo bem!

A linda proposta ganhou força política e se tornou partido dos “Trabalhadores” e agora sai das mãos de seus criadores e toma força de organização, facção e agora criminosamente toma um rumo assustador que percebemos hoje.
E A IDEOLOGIA?

Como já sabemos a ideologia foi apenas um pretexto para chegarem ao poder e nele permanecer, mas sabemos que os grandes nomes da política brasileira se foram pela idade e ou sucumbiram ao tempo e deu inicio ao que posso denominar de “sombra” e esses usando tudo que parece bonito tomaram o poder e dele sobrevivem e tudo o que for feito para que a manutenção do poder seja entre a sua criteriosa família como uma aristocracia se mantém tesoureiros do Brasil gestando em nome do povo, mas não pelo povo...

A sim, a ideologia... que ideologia o que! Só uma manifestação barata de princípios que nunca foram deles para receber dos miseráveis analfabetos políticos que alimentam esse sistema.

E DAÍ?

Bem, é o seguinte... Toda manifestação ideológica nada mais é a maneira de suprimir direitos da massa para facilitar a manobra política e manutenção do poder.

Desarmaram a população com a finalidade de diminuir a taxa de homicídios e essa taxa foi para os ares... O governo venezuelano fez isso e agora tomou o poder e implantou o terror.

Agora desfigurando a família haverá facções e com toda certeza o enfraquecimento da mesma e isso fará com que a força moral e de valores não persista e venha ser refém do estado...

Será o dia em que veremos aqueles que lutavam em favor da família possa mudar sua bandeira para um eleitorado mais promissor...
Enfim! Saber o que é direta ou esquerda é impossível, pois todos entram na mesma jogada que é brincar com o futuro de nossa nação... Termino tentando entender o que de fato seria melhor para o Brasil?

E PENSAR QUE COMEMORAMOS 15 DE NOVEMBRO...

A independência do Brasil se deu pelos altos impostos (5%) e agora nem te conto. Se será a volta da Ditadura, ou de outro regime totalitário não sei, mas o que precisamos e sei que todos concordarão é que um novo rumo e que seja promissor deve ser apontado para nação e creio que com brasileiros mais conscientes e capazes de olhar também para o próximo. Sem esquerda e nem direita, mas com prós e contras, ou seja, com propostas boas e ou outras melhores...




COLUNAS RELACIONADAS