Autor: Brasil escola - 11/10/2018 10h38

Riscos do consumo exagerado de café

Os riscos do consumo exagerado de café estão relacionados, principalmente, com a presença de cafeína. Essa substância, em grandes quantidades, pode até mesmo causar a morte.



O café é uma bebida muito apreciada pelos brasileiros, entretanto, seu consumo em excesso pode causar danos graves à saúde. A seguir, vamos falar a respeito dos riscos da ingestão exagerada de café.

Os riscos do consumo do café

O café é consumido por muitas pessoas, geralmente com a finalidade de espantar o cansaço e começar o dia mais disposto. Entretanto, existem aquelas que não se limitam a tomar apenas uma pequena xícara de café, ingerindo-o em grande quantidade e várias vezes ao dia. O perigo do café está principalmente na cafeína, que, se ingerida em excesso, pode ser fatal.

Assim como algumas drogas ilícitas perigosas, a cafeína presente no café também pode causar overdose. Já foram registrados casos em várias partes do mundo de morte em decorrência do excesso de cafeína no corpo. Estudos indicam que uma concentração de 50 miligramas por ml de sangue pode ser suficiente para matar uma pessoa.

Vale destacar que atingir esses níveis dessa substância tomando café é bastante difícil, uma vez que uma xícara comum dessa bebida contém, em média, 260 mg de cafeína. Entretanto, devemos ser cautelosos, porque não é apenas o café que apresenta cafeína. Assim sendo, alguns pesquisadores recomendam que se tome apenas de meia xícara a três xícaras de café diariamente, e não se deve nunca ultrapassar seis xícaras diárias.


Além da overdose, outros problemas podem ser causados pelo excesso de café, tais como:

Nervosismo;

Ansiedade;

Cansaço;

Dores de cabeça;

Náuseas e diarreia;

Tremores nas mãos;

Aumento da pressão arterial;

Batimentos cardíacos acelerados;

Elevação dos níveis de colesterol.

O café é tão ruim assim?

​Como foi dito anteriormente, o consumo de café de forma exagerada pode causar danos à saúde, entretanto, se consumido em doses adequadas, essa bebida apresenta vários benefícios. Entre os benefícios relatados na literatura, podemos citar:

Redução de até 80% do risco de desenvolver Mal de Parkinson;

Redução das crises de asma;

Inibição da formação de cárie dentária;

Fonte de antioxidante;

Melhora das funções cognitivas, auxiliando, assim, nas atividades intelectuais.

Diante do exposto, fica claro que, como qualquer alimento ou bebida, o café deve ser consumido com moderação. Além disso, é importante destacar que, se ingerido em quantidades adequadas, ele pode, inclusive, ser benéfico à saúde.

​​​​​​​Por Ma. Vanessa Sardinha dos Santos


NOTÍCIAS RELACIONADAS



Publicidade