Autor: Folha de Rondônia News - 28/05/2020 00h17

Morre aos 31 anos, professora Sandra, esposa do jornalista Jota Nogueira

Ela estava com a imunidade muito baixa na luta contra um câncer descoberto há pouco mais de dois anos.




Morreu na noite desta quarta-feira (27), em Porto Velho/RO, Sandra Gonçalves, esposa do jornalista Jota Nogueira. Sandra, que completaria 32 anos no próximo dia 11, não resistiu às consequências do tratamento para combater um câncer. Ela estava internada no Hospital do Amor, na capital de Rondônia, com a imunidade muito baixa.

Recentemente Sandra estava em Barretos e seria submetida a um tratamento experimental. Como estava muito fraca, passou por um tratamento paliativo e retornou para Rondônia para se recuperar e, quando estivesse mais forte, retornaria a Barretos.

Sandra era pedagoga e casada com Jota Nogueira, dono do Site Central Rondônia e colunista do Diário da Amazônia. Ela deixa uma filha menor, Ana Luíza.

A expectativa não confirmada é que corpo da professora Sandra seja levado para Ji-Paraná, onde ela morava. Toda a família dela mora na cidade de Urupá, também na região Central de Rondônia.

Condolências

O ex-vice-governador e ex-deputado Airton Gurgacz e sua esposa, Solange, emitiram nota de condolências, a qual expressa sentimentos por conta da dor e perda de alguém tão amável e tão amiga, pedindo a Deus que conforte a família neste momento no qual não há palavras para expressar.

O Senador Acir Gurgacz e sua esposa Ana Gurgacz, também expressaram suas condolências ao definir Sandra, como uma mulher de fibra, batalhadora e tão querida. Que Deus a receba e conforte a família no difícil momento da aceitação.

A deputada federal Silvia Cristina, que sempre esteve próxima ao casal Jota e Sandra, desde quando teve início ao tratamento dela há pouco mais de dois anos, lamentou a morte da amiga e pediu a Deus que conforte o amigo Jota Nogueira e toda a família neste momento tão difícil.


NOTÍCIAS RELACIONADAS



Publicidade