Autor: Rul - 09/08/2020 00h12

Obras na ponte sobre o rio Urupá e aeroporto avançam em Ji-Paraná

O diretor geral do DER, destaca que a ponte faz ligações com setores importantes da região




O governador de Rondônia, Marcos Rocha, fiscalizou as melhorias que estão sendo feitas no aeroporto de Ji-Paraná e também o andamento da construção das cabeceiras da ponte sobre o Rio Urupá.

Para quem passa pelo trecho diariamente, como o lavrador que é morador da linha Gazoli, zona rural de JI-Paraná, Sebastião Gonçalves, as obras nas cabeceiras da ponte vêm para dar mais segurança aos moradores da região. “Com a nova ponte que é de mão dupla vai favorecer muito a gente e vai evitar acidentes. Isso para nos é um sonho que agora está se transformando em realidade, pois o progresso não tem que passar por aqui, mas tem que ficar. E eu parabenizo o governador por isso”, avalia.

Assim como Sebastião, motoristas, motociclistas e ciclistas, pessoas que precisam todos os dias transitar pelo local rumo aos seus ambientes de trabalho, estudos e moradias, também sinalizaram o impacto positivo que a obra terá na região, pois vai substituir a estreita ponte de apenas uma pista. A ponte com 150 metros de extensão e 11 metros de largura é uma construção do ano de 2017, mas a obra não contemplava as cabeceiras.

“Essa é uma obra extremamente importe e a ordem para o DER foi para que assim como várias outras obras que estão acontecendo no Estado, essa também fosse feita”, afirma o governador.

O diretor geral do Departamento Estadual de Estradas de Rodagem e transportes (DER), Elias Rezende, destaca que a ponte faz ligações com setores importantes da regiao.

“Fica na RO-135, que faz ligações com áreas de condomínios, faculdades, diversas empresas e com a BR-429, sendo importante tanto para a populacão local quanto para escoar a produção”.

O diretor esclarece que a obra e uma execução direta do DER, utilizando o princípio da economicidade, que é uma determinação do governador. “Estamos gastando bem menos do que seria gasto em uma licitação. Já estamos com 50% da obra concluída em 30 dias que estamos aqui”, afirma Elias.

“Custaria cerca de R$ 5 milhões e vamos gastar um terço desse valor, utilizando mão de obra direta do DER”, disse o governador.

AEROPORTO

O governador ainda fiscalizou a obras de construção do alambreado, uma cerca que percorre o aeroporto para evitar que pessoas e animais entremn na pista e ocasionem acidentes, e ainda percorreu a nova estrada de acesso ao aeroporto que está sendo aberta pelo DER. O entorno da pista também passa por obras para garantir mais segurança.


NOTÍCIAS RELACIONADAS



Publicidade