Autor: Embrapa Rondônia - 05/11/2021 00h41

Produtores rurais de Roraima visitam Rondônia para conhecer cafés robustas amazônicos

A programação de visitas foi iniciada no município de Ouro Preto do Oeste, onde visitaram o Campo Experimental da Embrapa.


Visita ao Campo Experimental da Embrapa em Ouro Preto do Oeste - Foto: Otoniel Ribeiro Duarte


Produtores rurais e técnicos ligados à cadeia produtiva do café em Roraima iniciaram, em 1º de novembro, uma programação de visitas a municípios de Rondônia, com o objetivo de conhecer o sistema de produção de cafés robustas amazônicos, uma vez que o Estado é o quinto maior produtor de café do país e está entre os três maiores estados produtores da espécie Coffea canephora e é uma referência no cultivo de robustas amazônicos.

A iniciativa é da Associação dos Empreendedores Rurais do Bonfim (AERBON) com o apoio da Embrapa Roraima. A comitiva é liderada pelo pesquisador da Unidade, Otoniel Ribeiro Duarte, que através dos Fóruns Municipais da Agricultura Familiar de Roraima, incentivou a AERBON, precursora no plantio de cafés robustas amazônicos no Estado. Junto vieram representantes de 4 associações do entorno de Bonfim, que motivados pela experiência da AERBON, querem também iniciar o plantio e beneficiamento desta cultura em Roraima.

A programação de visitas foi iniciada no município de Ouro Preto do Oeste (02/11), onde visitaram o Campo Experimental da Embrapa e conheceram os trabalhos realizados pela Embrapa Rondônia, desde o plantio, passando pelo melhoramento genético até a pós-colheita. Também visitaram uma propriedade produtora de grãos e de mudas de café. Seguiram em visita a propriedades, viveiristas e agroindústrias de café. No município de Rolim de Moura (03/11) visitaram área de produtor e um grande viveiro de mudas de café. Em Alta Floresta do Oeste (04/11), visita a dois produtores de café. O tour será encerrado na sexta-feira (5/11), no município de Cacoal, com visita a propriedade de um produtor de café, que também beneficia a produção.

Além dos produtores rurais (homens e mulheres), a caravana é composta de técnicos da Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Roraima (SEAPA), Embrapa Roraima e MAPA - SFA (Superintendência Federal de Agricultura), totalizando 19 visitantes, que saíram de Roraima dia 30/10, por via terrestre, em veículo cedido pela SFA-MAPA, percorrendo mais de 2.000 km, desde Bonfim-RR até Ouro Preto do Oeste-RO.

Em Rondônia a caravana recebeu o apoio da Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Rondônia (Emater-RO), Secretaria Municipal de Agricultura de Alta Floresta do Oeste e da Embrapa Rondônia.


NOTÍCIAS RELACIONADAS



Publicidade